Guia do Salto Alto – Primeiros Passos

Não é nada fácil andar de salto alto por aí, pois além de muitos serem desconfortáveis, usar diariamente poderia causar muitos problemas. Entretanto, muitas mulheres gostam e precisam usar no trabalho, pois ele além de lindo, é mais formal do que uma sapatilha.

Só que para quem não está acostumada, andar de salto poderia ser uma grande dificuldade. Antes de colocar um salto fino de 15 centímetros nos pés e sair para a balada, é importante se conscientizar de algumas dicas importantes sobre o salto e, mais importante, aprender a andar, afinal cair na frente de todo mundo por não está acostumada a andar com um salto muito alto não é nada bacana, não é?!

Podemos pensar nos vários sapatos com saltos sendo várias fases que você deve passar até chegar ao salto agulha. Para começar a andar de salto, escolha os menores primeiro. Não vá direto para um salto agulha, pois ele é um dos mais difíceis. Sapatos baixos, com salto quadrado, redondo ou em formato de cone invertido devem ser os primeiros da sua lista de sapatos com salto. Escolha os que possuem salto mais baixo. Outra ótima dica é começar pelos sapatos fechados, com bico arredondado, pois são mais confortáveis. Lide com um problema de cada vez, porque mais para frente você irá achar sapatos de salto altíssimo, que além de machucarem o calcanhar e deixarem a panturrilha dolorida, também terão pontas finas ou tiras que prendem a parte anterior dos pés e que machucam muito. Por isso, comece pelo mais confortável, para você lidar primeiro com o salto.

A segunda etapa da sua aprendizagem é o salto Anabela. Este já poderá ser mais alto, porém ainda não é hora de largar os sapatos de ponta arredondada. O salto Anabela é considerado um dos mais confortáveis e você, provavelmente, irá aguentar ficar em cima dele por mais tempo. Ele também poderá ser a opção, depois de você já ter aprendido a usar o salto, para passar muitas horas de salto. É uma ótima escolha para as pessoas que necessitam usar salto durante o trabalho.


Salto cone invertido

Depois desse salto é hora de mudar a frente dos sapatos. Entre os vários estilos, estão a ponta fina e as tiras entre os cotados como mais desconfortáveis, especialmente quando associados a saltos muito altos. Ambas podem ser usadas em sapatos com saltos menores ou flats até que se acostume com eles.

Passo a passo com dicas de como andar de salto alto

 

Agora é a hora de verdade: hora de colocar um salto mais fino e alto nos pés e ver o que acontece. Para começar, nunca coloque seu peso todo no salto. Além de tornar mais difícil de andar, ainda corre o risco de quebrá-lo. O peso fica concentrado na parte da frente dos pés. Para sustentar isso, a panturrilha sofre, por isso saltos altíssimos e muito finos não foram feitos para se usar em um dia de trabalho. Se você costuma passear pelos lindos blogs de “look do dia”, não leve em consideração os looks que as blogueiras falam que são para trabalhar e que tem, entre os itens, uma sandália de tiras com um salto agulha. Provavelmente, um sapatinho flat (sem salto) foi junto com a máquina de fotografar, para tomar o lugar do salto logo após os cliques.

No nosso próximo post iremos falar de como se mover com mais facilidade com os saltos. Não deixe de acompanhar nossas postagens para ficar por dentro de todos os assuntos mais femininos do momento! 

Ex-patricinha, ex-peoa, ex-hippie, sou formada em Letras e apaixonada por moda e maquiagem desde que ganhei meu primeiro batom de moranguinho. Para mim, rosa não é só uma cor, é uma filosofia de vida.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe seu comentário