Peeling químico de Cimel

Continuando nosso papo sobre tratamentos estéticos, particularmente sobre os peelings (já falamos sobre os tipos de peeling e sobre o Peeling de Fenol), hoje iremos ver um dos peelings mais indicados para as pessoas que desejam renovar a pele, retirar manchas, cravos e outros problemas mais superficiais: o Peeling químico Cimel.

Como você provavelmente tem acompanhado conosco, o peeling é um tratamento de renovação da pele a partir da descamação da mesma. Nossa pele se renova, na maioria das vezes, por um período relativamente longo, em torno de 31 dias. Mesmo se renovando, muitas marcas continuam, pois a pele possui uma memória que mantém aqueles problemas crescendo junto à renovação da pele.

O peeling tenta retirar as células problemáticas, dando espaço para uma pele nova, como menos problemas, renovada, viçosa, brilhante e rejuvenescida. Cada tratamento e técnica são indicados para um problema diferente. Por isso, é importante que o médico dermatologista faça uma avaliação, no intuito de verificar qual tratamento é o mais indicado para o seu caso.

O Peeling de Cimel é um dos tratamentos mais novos que existe aqui no Brasil. Ele é suave e pode ser feito, também, no verão (época menos indicada para fazer tratamentos de pele mais agressivos, como o peeling).

Chamado também de Retinoic Peel (Peeling Retinóico – pelos gringos), é feito à base de retinol, substância em abundância no corpo e em alimentos, que é a molécula da vitamina A. Ela se mostrou, após vários estudos de especialistas da Universidade de Michigan, que é eficaz na luta pelo rejuvenescimento da pele.

A substância começou a ser usada, na área estética, para tratamentos de acne. Ela era indicada para pacientes que estavam com acne ativa, e gostariam de diminuir a ação da mesma na pele. Com o uso prolongado do retinol, médicos puderam constatar que, além de tratar a acne, também deixava a pele mais bonita e jovem.

Depois disso vários cosméticos incluíram a substância em suas formulações. Para que o retinol chegasse ao peeling foi um pulo. Sendo um tipo de peeling químico, o Peeling de Cimel normaliza a queratina contida na derme da pele, além de clareá-la.

Antes e depois do tratamento

O tratamento, como foi dito anteriormente, é um dos mais tranquilos de ser realizado, por isso pode ser feito durante o período do verão brasileiro (que não é nada fácil). O procedimento é simples, normalmente com pouca dor.

A técnica segue o padrão dos outros peelings, em que é usado um produto, nesse caso, um creme, que deve ficar na pele por quatro a seis horas, dependendo de cada necessidade. A técnica é seriada, e pode ser feita a cada 15 dias, para obter o total benefício. O médico dermatologista irá indicar quantas sessões são necessárias para que a pessoa alcance o objetivo, que pode ser o rejuvenescimento, a retirada de manchas, a melhora nas espinhas, a diminuição das rugas de expressão, entre outros.

Depois do tempo indicado pelo médico, a paciente irá usar um sabonete neutro para retirar o produto já em casa, não necessitando, nessa hora, de nenhuma intervenção médica (somente no caso de alguma irritação que não estava nos padrões da técnica).

Sempre consulte seu médico, faça os testes necessários para saber se você pode e deve fazer tal tratamento. Sempre use filtro solar, mesmo antes de fazer o tratamento. O filtro irá diminuir os problemas vistos na pele e a necessidade de tratamentos mais fortes.

Veja um vídeo que explica em prática como funciona o peeling químico

 

Ex-patricinha, ex-peoa, ex-hippie, sou formada em Letras e apaixonada por moda e maquiagem desde que ganhei meu primeiro batom de moranguinho. Para mim, rosa não é só uma cor, é uma filosofia de vida.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 4,00 out of 5)
Loading...

Comentários

One Response to “Peeling químico de Cimel”
  1. Elaine disse:

    Concordo com tudo que disse sobre o CIMEL ele é perfeito , agora não é tão simples assim não , se não houver proteção adequada , a pele ficara mais manchada ainda , estou fazendo uso e sou esteticista então sei da total necessidade da proteção solar , porém indico ir além usar chapéu e repor o protetor de acordo com a indicação .
    Adorei seu post , só comentei pq aconteceu comigo mesmo com protetor solar consegui manchar minha pele.

Deixe seu comentário