Saia em A – Tendência para o Outono/Inverno

O frio pede, realmente, roupas mais quentinhas. Mas, sendo atípico ou somente controverso, o outono/inverno deste ano está com as pernas de fora. Claro, não é necessário passar frio para ficar na moda; uma meia-calça cai muito bem com as pernas de fora, por isso mesmo já falamos tudo sobre ela em outro post.

Pois hoje iremos falar de uma saia que já está entre as favoritas para as estações mais frias, e, devido ao seu corte, pode ser usada por qualquer pessoa, com qualquer biótipo: a saia em A. Essa saia vem em diferentes maneira, desde a cintura alta, até com um leve babado nas pontas. Já vi blogueiras comentando muito sobre a nova sensação, chamando-a até de peplum invertido (aquelas que vem com um leve babado ao final). Mas, o que importa mesmo, é que essa saia está ganhando cada vez mais espaço no guarda-roupa de inverno e é super versátil, podendo ser usada em diferentes ocasiões.

Diferenças da saia A para as outras saias

Para começar, vamos saber o que essa saia tem de diferente das outras. O corte dela, normalmente, vem desde a cintura, onde é acinturada, modelando o corpo, até, mais ou menos, o meio da coxa. Ela é mais justa até o quadril, ficando solta depois dessa parte. Se você olhar, ela realmente lembra a letra A, ou um triângulo ao contrário, pois é justa na cintura e quadril, ficando mais solta depois desse local.

Saia-em-A- Dior

Ela foi muito popular nos anos 50 quando Christian Dior criou uma coleção chamada A-Line. Naquela época, a saia vinha com tecido um pouco plissado, o que dava movimento e leveza à peça. Yves Saint Laurent criou, logo em seguida, a saia trapézio, com o mesmo estilo da saia em A, porém perdendo o plissado e alguns centímetros de tecido. Na década de 60 surgiu a minissaia, e que virou febre desde então.

Nos anos 80, a saia em A fez companhia aos blazers com ombreiras, até o início dos anos 90, em que ela ficou mais esquecida, assim como as ombreiras que marcaram as blusas e blazers. Ela volta agora em todos os comprimentos, desde as mídis até as saias mais curtas, quase mini.

Para as mulheres com quadris largos, a saia é uma ótima opção, pois disfarça o quadril mais largo. Em contrapartida, para aquelas que têm o quadril mais estreito, a saia também pode disfarçar, especialmente se você usar uma mais larga e curta. As versões com um leve evasê ou babado ao final da saia, especialmente nas saias mais curtas, causam a impressão de que os quadris são mais largos.

Como a saia é mais solta, você poderá usar uma blusa larga até a área em que a saia fica mais larga. Isso, também, ajuda a aumentar o quadril. Moletons mais sequinhos e compridos ficam ótimos com saias em A, ainda mais para dias mais descontraídos. Para eventos mais formais, opte pela saia mais comprida, chegando próxima ao joelho. As cores, para a saia em A usada em eventos mais formais, podem ser mais sóbrias, enquanto aquelas usadas em dias mais descontraídos podem ser mais fortes.

Usar camisas transparentes para dentro da saia em A pode ser uma opção para uma balada, em que você associa duas tendências, que é a transparência e a saia. As saias com um leve babado ao final ficam ótimas nessa combinação, especialmente as mais curtas.

Os sapatos podem variar. Desde botas de cano longo, médio e curto, até scarpins. A Cuissard Boots também vai bem com a saia em A (não deixe de ler o post sobre essa bota).

Não deixe de ver nossa galeria de fotos para se inspirar e entrar com tudo nessa tendência.

 

Ex-patricinha, ex-peoa, ex-hippie, sou formada em Letras e apaixonada por moda e maquiagem desde que ganhei meu primeiro batom de moranguinho. Para mim, rosa não é só uma cor, é uma filosofia de vida.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Comentários

One Response to “Saia em A – Tendência para o Outono/Inverno”
  1. yane dantas disse:

    lindas essas saias

Deixe seu comentário